Brasil ainda tem 11,5 milhões de analfabetos, diz IBGE

A pesquisa Educação 2017, divulgada nesta sexta-feira (18) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra que de2016 a 2017, a taxa de analfabetismo no país entre pessoas com 15 anos ou mais de idade foi estimada em 7%, uma queda de 0,2 ponto percentual em relação aos 7,2% registrados em 2016, o equivalente a menos de 300 mil pessoas. Apesar da queda, o país registrava em 2017, 11,5 milhões de analfabetos.

Mesmo com a redução de 0,2 ponto percentual na taxa de analfabetismo, o país não atingiu a meta do Programa Nacional de Educação (PNE), cujo objetivo era alcançar uma taxa de 6,5% em 2015. O destaque ficou com as regiões Centro-Oeste (5,2%), Sudeste e Sul (ambas com 3,5%) que já estavam abaixo da meta. Nas Regiões Nordeste e Norte, no entanto, os percentuais foram 14,5% e 8%, acima da meta do PNE.

Para a analista do IBGE Marina Aguas, responsável pela pesquisa, “atingir as metas do PNE vai depender muito das medidas e políticas a serem adotadas e da questão demográfica: o fator demográfico é de grande importância nesta questão e ele é maior entre as pessoas mais velhas. Alcançar ou não a meta fixada pelo PNE para 2024 vai depender muito das políticas públicas adotadas”.

O levantamento mostra que a taxa de analfabetismo caiu mais entre as pessoas de cor preta ou parda, se mantendo praticamente estável na população com 15 anos ou mais de cor branca. Os dados indicam que, de 2016 para 2017, a taxa de analfabetismo entre pretos e pardos chegou a cair 0,6 ponto percentual, passando de 9,9% para 9,3%; enquanto entre as pessoas brancas o recuo foi de 0,2 ponto percentual – de 4,2% para 4%.

Idosos

A pesquisa constatou existência de relação direta do analfabetismo com a idade. “O caráter estrutural desse indicador, ou seja, a taxa de analfabetismo, mesmo em queda, persiste mais alta para as idades mais avançadas. Em 2017, entre as pessoas com 60 anos ou mais, a taxa foi 19,3%, 1,1 ponto percentual menor do que em 2016 (20,4%)”, informou o IBGE.

Na Região Nordeste, 38,6% da população de 60 anos ou mais não sabiam ler ou escrever um bilhete simples, taxa quatro vezes maior que a do Sudeste para o mesmo grupo etário, que foi de 10,6% em 2017.

Para a analista do IBGE, os dados mostram que o país tem avançado em termos educacionais, mas persistem algumas desigualdades, principalmente do ponto de vista regional.

Preocupante: Cresce o número de jovens entre 15 e 29 anos que não estudam nem trabalham

Dados sobre educação da Pnad divulgados nesta sexta mostram que, entre 2016 e 2017, o desemprego aumentou a quantidade de jovens que não trabalham, mas o número de pessoas nessa faixa etária que só estudam ficou estável.

Em 2017, o Brasil tinha 48,5 milhões de pessoas com idade entre 15 e 29 anos, mas 11,1 milhões delas não trabalhavam e também não estavam matriculadas em uma escola, faculdade, curso técnico de nível médio ou de qualificação profissional.

Conhecido como ‘nem-nem’, esse grupo representava 23% do total de jovens brasileiros no ano passado, e aumentou em relação ao ano anterior, segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad) divulgados na manhã desta sexta-feira (18) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Geração ‘nem-nem’

De acordo com os números, a variação entre 2016 e 2017 foi de 619 mil jovens de 15 a 29 anos a mais nessa condição – em 2016, 21,8% das pessoas nessa faixa etária estavam no grupo ‘nem-nem’.

Ao G1, Marina Aguas, coordenadora da pesquisa, ressaltou que os dados apresentam um “estudo ampliado”, ou seja, não consideram apenas se a pessoa está matriculada no ensino regular, mas também em outros tipos de educação informal, como os cursos pré-vestibulares, curso técnico de nível médio ou um curso de qualificação profissional.

Jovens, educação e trabalho

Pessoas com entre 15 e 29 anos, segundo a ocupação, em 2017
Só estudam: 28,7 %
Só trabalham: 35 %
Estudam e trabalham: 13,3 %
Não estudam nem trabalham: 23 %

Fonte: Pnad 2017 Educação/IBGE

Redução da ocupação

De acordo com o estudo, entre 2016 e 2017 o número de jovens estudando permaneceu estável, o que ocorreu foi uma “redução da ocupação”: tanto a porcentagem da população ocupada nessa faixa etária recuou de 35,7% para 35% quanto a de jovens que estudavam e trabalhavam, que caiu de 14% para 13,3%.

Fonte: G1

Polícia prende suspeitos em operação contra a pornografia infantil no Maranhão

No combate aos crimes de pornografia infantil, a Polícia Civil do Maranhão prendeu dois suspeitos em flagrante identificados como Ozeias de Sousa Campos, de 34 anos, e Gustavo Carvalho Silva Campos, de 24 anos. Gustavo foi preso em São Luís, enquanto Ozeias foi capturado em Imperatriz. Além das prisões, os policiais cumpriram também dois mandados de busca e apreensão nas duas cidades. As ações fazem parte da “Operação Luz na Infância 2”, deflagrada nesta quinta-feira (17), em todo país. A força-tarefa é coordenada pelo Ministério Extraordinário da Segurança Pública (MESP).

A Polícia Civil do Maranhão ainda vai divulgar balanço final da operação, que é coordenada no Maranhão pelo delegado Odilardo Muniz, titular do Departamento de Combate a Crimes Tecnológicos da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic). O último balanço nacional divulgado as 8h40 dava conta de 100 presos.

A investigação foi coordenada pela Diretoria de Inteligência da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Dint/Senasp/MESP) e pelo Departamento de Combate ao Crime Tecnológico (DCCT/SEIC-MA). Depois, cada Polícia Civil ficou responsável pela instauração dos inquéritos e pedidos à justiça local dos mandados.

Esta é a segunda fase de uma operação iniciada no dia 20 de outubro de 2017, quando 157 mandados de busca e apreensão foram cumpridos em todo país. Um vasto material como computadores e arquivos digitais foram apreendidos. À época, 112 pessoas foram presas.

Fonte: Blog do Neto Ferreira

Definida a escala da arbitragem para abertura da 12ª Copa do Interior em Nova Olinda do MA

A Secretaria Municipal de Esportes e Juventude (SEMEJ) e Liga Desportiva de Nova Olinda do Maranhão, com o apoio da Prefeitura Municipal de Nova Olinda do Maranhão, iniciam neste final de semana a 12ª edição da Copa do Interior.

Com a participação de 18 clubes (povoados), a competição inicia neste sábado (19) e terá sua final em 29 de junho, com partida da final no estádio municipal Mangueirão.

A coordenação da competição, divulgou conforme o Regulamento Geral a escala da arbitragem:

XII COPA DO INTERIOR – 2018

ESCALA DA ARBITRAGEM

1ª RODADA

GRUPO 01

Sábado -19.05.2018

Campo da B5
14:20 – Monte Alegre x Panema
Árbitro: César Nunes
Aux. 1: Manoel Filho
Aux. 2: Fábio Cabral

16:10 Náutico B5 x Juventus B6
Árbitro: Manoel Filho
Aux.1: César Nunes
Aux.2: Fábio Cabral

GRUPO 02

Sábado -19.05.2018

Campo da Vila B4
14:20 – Sport da B3 x Boa Vista
Árbitro: Ednaldo Ferreira Aires
Aux. 1: José Araújo Chaves Jr.
Aux. 2: Ruan Silva Morais

16:10 – Atlético da B4 x 5ª Quadra da B4
Árbitro: José Araújo Chaves Jr.
Aux. 1: Ednaldo Ferreira Aires
Aux. 2: Ruan Silva Morais

GRUPO 03

Sábado 19.05.2018

Campo da Pedreira II

14:20 – Corinthians Q. XIII x Peñarol Q. VI

Árbitro: Keven Ferreira
Aux. 1: Douglas Sousa Lima
Aux.2: Carlos Eduardo Monteiro

16:10 – Pedreira x Atlético Q. VIII
Árbitro: Douglas Sousa Lima
Aux. 1: Keven Ferreira
Aux. 2: Carlos Eduardo Monteiro

GRUPO 04

Domingo – 20.05.2018

Campo: Tancredo Neves

14.10 – Barcelona B1 x Juventus B1

Árbitro: Raimundo Teixeira Neto
Aux. 1: José Araújo Chaves
Aux. 2: Marcos Barros Costa

16.10- Atlético T. Neves x Vila Davinópolis

Árbitro: José Araújo Chaves Jr.
Aux. 1: Raimundo Teixeira Neto
Aux. 2: Marcos Barros Costa

# Delegados dos jogos

Atevaldo Morais

Valber Silva

Marlon Vale Cutrim Filho

Denise Pereira

Nova Olinda do Maranhão, 17 de maio de 2018.

18 de maio: O Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

Nesta sexta-feira (18), O Conselho Tutelar, Secretaria de Assistência Social, CMDCA, Ministério Público, CRAS, Prefeitura Municipal de Nova Olinda do Maranhão, Polícia Militar e demais entidades promovem uma caminhada com intuito de alertar toda à sociedade novaolindense em relação à exploração e abuso sexual de crianças e adolescentes.

A caminhada marcará o encerramento das atividades da campanha do ano de 2018. A concentração acontecerá às 15:00 horas próximo à Prefeitura Municipal de Nova Olinda do Maranhão.

Durante duas semanas ocorreram uma série de palestras nas  escolas da rede municipal e estadual.

Nesta quinta-feira (17), os membros dos Conselho Tutelar realizaram duas palestras aos alunos do CE Teresinha Alves Rocha.

Com o objetivo de mobilizar a sociedade brasileira e convocá-la para o engajamento contra a violação dos direitos sexuais de crianças e adolescentes, 18 de maio foi estabelecido como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Apenas no ano de 2014 foram registradas 24.575 denúncias de violência sexual contra crianças e adolescentes no Brasil. Desses casos, 19.165 foram de abuso e 5.410 de exploração sexual infantil.

Dados como esses, divulgados pelo Disque Direitos Humanos, evidenciam como é importante combater essa realidade. E maio é o mês dessa luta.

Por que 18 de maio?
Neste dia, em 1973, uma menina de 8 anos, de Vitória (ES), foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada. Seu corpo apareceu seis dias depois, carbonizado e os seus agressores nunca foram punidos.
Com a repercussão do caso, e forte mobilização do movimento em defesa dos direitos das crianças e adolescentes, 18 de maio foi instituído como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Desde então, esse se tornou o dia para que a população brasileira se una e se manifeste contra esse tipo de violência.

O que é violência sexual?
É a situação em que a criança ou o adolescente é usado para o prazer sexual de uma pessoa mais velha. Ou seja, qualquer ação de interesse sexual, consumado ou não.

É uma violação dos direitos sexuais das crianças e adolescentes, porque abusa ou explora do corpo e da sexualidade, seja pela força ou outra forma de coerção, ao envolver crianças e adolescentes em atividades sexuais impróprias à sua idade, ou ao seu desenvolvimento físico, psicológico e social.

Abuso x Exploração
A violência sexual pode ocorrer de duas formas distintas. Abuso sexual é qualquer forma de contato e interação sexual entre um adulto e uma criança ou adolescente, em que o adulto, que possui uma posição de autoridade ou poder, utiliza-se dessa condição para sua própria estimulação sexual, da criança ou adolescente, ou ainda de terceiros, podendo ocorrer com ou sem contato físico.

Já a exploração se caracteriza pela utilização sexual de crianças e adolescentes com a intenção de lucro, seja financeiro ou de qualquer outra espécie. São quatro formas em que ocorre a exploração sexual: em redes de prostituição, pornografia, redes de tráfico e turismo sexual.

Prevenção
A melhor maneira de se combater a violência sexual contra crianças e adolescentes é a prevenção. É necessário um trabalho informativo junto aos pais e responsáveis, a sensibilização da população em geral, e dos profissionais das áreas de educação e jurídica, com a identificação de crianças e adolescentes em situação de risco, e o acompanhamento da vítima e do agressor.

Denuncie
Além da prevenção, o combate a essa realidade exige que os casos sejam denunciados. Portanto, se souber de algum caso de violência sexual infantil, procure o conselho tutelar, delegacias especializadas, polícias militar, federal ou rodoviária e ligue para o Disque Denúncia Nacional, de número 100.

Você pode agir. Proteja nossas crianças e adolescentes. Faça bonito e disque 100.

Inscrição para o Enem termina amanhã

Os estudantes que querem fazer a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2018 têm até as 23h59 de sexta-feira (18), no horário de Brasília, para fazer a inscrição, pela internet, na página do participante do Enem. Até as 18h de quarta-feira (16) foram registrados 5 milhões de inscritos.

Mesmo os candidatos que pediram isenção da taxa do Enem devem fazer a inscrição para a prova. O pagamento da taxa para quem não conseguiu a isenção, no valor de R$ 82, deve ser feito até o dia 23 de maio nas agências bancárias, casas lotéricas e agências dos Correios.

Os concluintes do ensino médio da rede pública têm direito à isenção no ato da inscrição, mesmo aqueles que não tiverem solicitado a isenção.

Para se inscrever, o participante deverá apresentar o número do CPF (Cadastro de Pessoa Física) e do documento de identidade e criar uma senha. O candidato precisa também informar um endereço de e-mail válido e um número de telefone fixo ou celular, que serão usados para enviar informações sobre o exame.

Com o fim do prazo de inscrição nesta sexta-feira (18) também se encerra a possibilidade de alterar dados cadastrais, a opção do município onde o estudante quer fazer a prova e a opção de língua estrangeira. Os candidatos que precisarem de atendimento especializado têm que fazer o pedido no ato da inscrição.

Para o uso do nome social na prova do Enem, o pedido poderá ser feito entre os dias 28 de maio e 3 de junho.

As provas do Enem serão aplicadas em dois domingos, nos dias 4 e 11 de novembro. Os resultados serão divulgados em janeiro.

Agência Brasil

Pesquisa Datailha revela cenário para as Eleições 2018

A Pesquisa Datailha, encomendada pelo Sistema Difusora, revelou as previsões para o cenário eleitoral na disputa por uma vaga ao Governo do Maranhão a 5 meses da eleição.

A coleta dos dados foi realizada entre os dias 09 e 10 de Maio de 2018, com 2.137 maranhenses em 37 cidades do Estado por meio de entrevistas individuais realizadas nos dias 09 e 10 de Maio de 2018.

As pesquisas do DATAILHA são feitas por meio de amostragem aleatória com entrevistas individuais.

A margem de erro admitida é de 3,2 pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança utilizado nos resultados da pesquisa é de 95%.

O levantamento anterior Difusora/DataIlha foi divulgado em fevereiro e apontava vitória do atual governador Flávio Dino no primeiro turno.

Pergunta 3: Se as eleições para governador do Maranhão fossem hoje, em que você votaria?

Fonte: Idifusora

XII Copa do Interior começa dia 19 em Nova Olinda do Maranhão

A 12ª Edição da Copa do Interior começa neste sábado (19) no município de Nova Olinda do Maranhão, sendo esta a competição que abre oficialmente o calendário esportivo de 2018.

A tradicional Copa do Interior de futebol reunirá 18 equipes na edição de 2018. Com a coordenação da Secretaria Municipal de Esportes e Juventude (SEMEJ) e apoio da Prefeitura Municipal de Nova Olinda do Maranhão, a competição tem seu início sábado (19) e será finalizada em 29 de junho no estádio municipal Mangueirão.

A SEMEJ em parceria com a Liga Desportiva Novaolindense (LDN), inciam mais uma Copa do Interior, competição tradicional do nosso futebol.

No site da Secretaria Municipal de Esportes e Juventude (SEMEJ) no endereço www.semej-novaolinda.com.br tem toda a programação da competição.

Na edição de 2017, a equipe do Monte Alegre conquistou o tricampeonato. O atual campeão faz sua estreia no próximo sábado (19) pelo Grupo 1. Confira os jogos.

XII COPA DO INTERIOR – 2018

1ª Rodada – Grupo 01 (19.05.2018)

Campo da 5ª Quadra da B-5

14:10 hs: MAEC x Panema

16:10 hs: Naútico x Juventus B6

1ª Rodada – Grupo 02 (19.05.2018)

Campo da Vila B-4

14:10 hs: Sport da B3 x Boa Vista

16:10 hs: Atlético da B4 x 5ª Quadra da B4

1ª Rodada – Grupo 03 (19.05.2018)

Campo da Pedreira II

14:10 hs: Peñarol da Q. VI x Corinthians Q. XIII

16:10 hs: Pedreira x Atlético da Q. VIII

1ª Rodada – Grupo 04 (20.05.2018)

Campo da Quadra Tancredo Neves

14:10 hs: Barcelona da B1 x Juventus B1

16:10 hs: Atlético T. Neves x Vila Davinópolis

Prefeitura de Nova Olinda realizou grande festa em homenagem ao dia das mães

A prefeitura de Nova Olinda do Maranhão através das secretarias de assistência social e de Cultura e Turismo realizou a maior festa do dia das mães da região do Alto Turí neste domingo(13) do dia das mães.

O evento que reuniu milhares de mães na zona rural e sede de Nova Olinda do Maranhão, contou com a presença da prefeita do município Iracy Weba(PV), do vice-prefeito Zé Alberto, dos Deputados Estaduais Hemeterio Weba(PP) e Edilazio Júnior(PSD), e do Deputado Federal André Fufuca(PP) e dos vereadores do município de Nova Olinda do Maranhão Jotinha, Joilson, Valter Sousa, Charles Baldez, do presidente da Câmara Betinho, entre outros.

A programação começou pela manhã com premiações no povoado Santa Cruz e Monte Alegre que encerrou com um grande almoço na casa do Vereador Valter Sousa. Logo após foi a inauguração da Escola de Música em Nova Olinda do Maranhão que foi muito elogiada pelos parlamentares presentes.

” A prefeita Iracy Weba tem feito um grande trabalho a frente da prefeitura do município e hoje foi inaugurada a escola de musica para crianças e adolescentes, um lindo projeto em prol dos novaolindenses e por ter alguns critérios tais como notas boas e assiduidade servirá como incentivo aos nossos jovens” completou o parlamentar Edilazio Júnior.

Logo após a inauguração, foi realizado uma grande festa na praça de eventos da cidade aonde reuniu muitas mães.

“É um prazer imenso está participando de mais uma edição da festa das mães aqui na nossa cidade, parabéns prefeita Iracy Weba e toda equipe de governo por esta grandiosa festa” completou o Deputado Estadual Hemeterio Weba.

Blog do Neto Ferreira

Em Nova Olinda mulher vai à lotérica e desaparece, família está desesperada

A jovem Katia como é conhecida na cidade de Nova Olinda Maranhão está desaparecida, a mesma teria relatado a família que iria em uma casa lotérica, desde então não se sabe o paradeiro de Katia, a família desesperada busca ajuda.

“ Qualquer informação, entre em contato 98 987053121)