Definidos confrontos da 4ª fase da Copa do Brasil

0

A Confederação Brasileira de Futebol sorteou, no fim da manhã desta segunda-feira (19), os confrontos para a quarta fase da Copa do Brasil. Algoz do Sampaio na competição, a Ponte Preta irá pegar o Náutico. O grande duelo será entre Atlético-PR x São Paulo, que decidiram a Libertadores em 2005.Os mandos de campo serão definidos ainda nesta segunda em novo sorteio ainda nesta tarde. Nesta edição, não há o critério do “gol fora de casa” para servir de desempate.

Os cinco times que avançarem se juntarão aos 11 clubes que entrarão direto para as oitavas de final. Oito que disputam a Libertadores 2018: Corinthians, Cruzeiro, Palmeiras, Santos, Grêmio, Flamengo, Vasco e Chapecoense (já eliminada). Mais o América-MG, vencedor da Série B em 2017; o Bahia, campeão da Copa do Nordeste 2017; e o Luverdense, campeão da Copa Verde 2017.
Confira os duelos

Ponte Preta x Náutico
Atlético-PR x São Paulo
Avaí x Goiás
Internacional x Vitória
Ferroviário-CE x Atlético-MG

Blog do Afonso Diniz

Enem: espelhos de redação e notas de treineiros são disponibilizados

0

Os estudantes que participaram da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), realizada em novembro do ano passado, já podem conferir, pelo portal, a correção de sua redação. A correção é feita por dois professores, que conferem ao texto do candidato uma nota entre 0 e 1.000 pontos, observando cinco critérios, cada um valendo 200 pontos, que, somados, dão a nota total.

Os critérios são: comprovar domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa; demonstrar compreensão da proposta da redação, aplicando conceitos de áreas distintas no desenvolvimento do tema; selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos na defesa de um ponto de vista; demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários à argumentação; e sugerir uma intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela organização do Enem, informou, em nota, que, “acatando decisão do Supremo Tribunal Federa”, a banca de correção acabou por não punir com nota 0 candidatos que compuseram, em seus textos, enunciados favoráveis a violações de direitos humanos, sanção que estava prevista no edital da prova.

De acordo com uma cartilha divulgada pelo Inep, também seriam passíveis de anulação as redações que contivessem “impropérios e desenhos ou aquelas que fugissem ao assunto ou  (sete) linhas. Foi exigido que o candidato escrevesse, no mínimo, oito linhas, limite que, quando desrespeitado, também justificaria a nota zero.No Enem 2017, os candidatos foram desafiados a escrever sobre os obstáculos que os surdos enfrentam em seu processo educacional.

Cerca de 6,7 milhões de candidatos tiveram a inscrição confirmada, dos quais 30,2% faltaram no primeiro dia. No segundo dia de prova, o índice de abstenção subiu para 32%.

Também foi divulgada nesta segunda-feira a nota dos estudantes que fizeram o teste na condição de treineiros, ou seja, participantes que, no ano passado, ainda não tinham concluído o ensino médio e eram menores de 18 anos.

No caso dos treineiros, que representaram 8,9% do total de participantes na última edição do Enem, os resultados atingidos não podem ser usados para acesso às instituições de ensino superior.

Policiais que salvaram o bebê, evitaram que a mãe fosse linchada

0

O caso do bebê jogado da ponte do São Francisco pela mãe, comoveu a população e, princialmente, os policiais Danilo Pestana Pinheiro e Herbet de Jesus Silva, que estavam vindo de um jogo de futebol e resgataram a criança.

Segundo os soldados, sem saber o que havia acontecido e pelo aglomerado de pessoas, eles achavam que ali havia acontecido um assalto. Mas ao se aproximarem, perceberam que populares queriam linchar Carla Regina Bezerra Mendes Pereira, de 23 anos, por ter jogado o filho da ponte. Os policiais para evitar danos e uma confusão maior aconselharam os populares a levar a mãe ao DP mais próximo para que fossem tomadas as medidas cabíveis enquanto a criança fosse resgatada.

Por conta da altura da ponte e pelos riscos da lama, os soldados achavam que a criança já estaria sem vida, mas ficaram aliviados, ao pegarem o bebê com vida. A criança chorou e eu agradeci a Deus, como eu já falei, foi um milagre, disse o soldado Herbet de Jesus Silva.

Os policiais contam que nunca haviam passado por uma situação assim e que são gratos por exercerem essa profissão. Eu sempre quis seguir a área militar, mas com esse sentimento de dever cumprido, poder salvar uma vida, no meus caso isso não tinha acontecido antes, saber que  se eu não estivesse ali, talvez aquela vida não estivesse mais entre nós, disse o soldado Danilo Pestana Pinheiro.

Os soldados também contaram que ficou o sentimento de ainda encontrar a criança novamente.

Os policias foram homenageados e condecorados em reconhecimento pelo resgate.

 A mãe da criança continua presa e serão feitos exames para comprovar o estado mental. A criança passa bem.

Portal Guará

Campeonato Maranhense: São José e Imperatriz ficam no 0 x 0 em São Luís

0

Para iniciar a semifinal do Campeonato Maranhense, São José e Imperatriz jogaram na tarde deste sábado, no Nhozinho Santos, em São Luís, e ficaram no empate sem gols. O resultado manteve a vantagem do Imperatriz de avançar para a final em caso de igualdade no placar agregado (soma dos resultados dos dois jogos).

O São José reclamou de dois pênaltis não marcados e o Imperatriz chegou a botar uma bola na trave em um chute de Júnior Chicão.

Com o resultado, basta o Imperatriz não sofrer gol no jogo de volta para avançar para a final do Estadual. O São José tem que vencer por qualquer placar.

A partida decisiva está marcada para o próximo sábado (24), às 19:30, no Frei Epifânio d’Abadia, em Imperatriz.

Globo Esporte Maranhão

Ministério vai revogar regra que exigia curso para renovar CNH

0

O Ministério das Cidades anunciou neste sábado (17) que será revogada a resolução que tornava obrigatória a realização e aprovação em Curso de Aperfeiçoamento para motoristas renovarem a Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Por meio de nota, a pasta informou que a revogação se dará para “não afetar a rotina dos condutores que precisam renovar suas carteiras de habilitação/CNHs por todo o Brasil”.

O ministério informa ainda que a revogação vai reduzir custos. “Esta ação acontece em conformidade com os objetivos do Governo Federal, de reduzir custos e facilitar a vida do brasileiro”.

A resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) estabelecia que, a partir de junho deste ano, os condutores que fossem renovar a carteira de motorista teriam que passar por um curso teórico com exame para atualizarem seus conhecimentos. Esse curso de reciclagem seria composto por dez aulas e, para que os motoristas renovassem a documentação, deveriam obter um resultado favorável de, pelo menos, 70% da prova.

Ainda segundo a nota divulgada pelo Ministério das Cidades, a revogação acontecerá no próximo dia útil.

Agência Brasil

Em Maranhãozinho assaltante morre em confronto com a PM

0

Do Blog A Cidade de Verdade.

Na cidade de Maranhãozinho, um dupla (não identificada) fazendo uso de uma moto abordaram duas moças que se encontravam em uma motocicleta modelo Honda Bros de cor branca, anunciaram e tomaram o veículo de assalto.

Após a ação, os dois homens fugiram por uma estrada vicinal com destino à  cidade de Centro do Guilherme, os homens foram perseguidos pelos policiais militares que estavam de plantão, momento em que um destes que se encontrava na primeira moto caiu após se desequilibrar ao passar por um buraco na estrada.

O segundo homem que seguia com a moto tomada de assalto foi alcançado pelos policiais, e parou a moto. Ao ensaiar uma aproximação os policiais pediram que o indivíduo não esboçasse qualquer reação o que não aconteceu, pois o mesmo retirou uma arma da cintura para tentar atingir os policiais momento em que foi alvejado com dois tiros pelos PMs e vindo a óbito logo em seguida.
O primeiro indivíduo que caiu na fuga foi socorrido pelos próprios policiais e levado para o hospital de Governador Nunes Freire.

Jornalista Valdenor Pereira – Registro 0084745/SP

Seguro Defeso: AGU exigirá comprovação da atividade de pescadores no Maranhão

0

Outro parecer sustenta que só devem ser beneficiados pescadores que atuam em água doce. Objetivo das medidas visa diminuir a quantidade de fraudes na concessão do seguro defeso, segundo a AGU.

A Advocacia-Geral da União (AGU) emitiu dois pareceres para garantir a imposição de limites mais claros à concessão do seguro-defeso a pescadores do Maranhão. Um parecer vai exigir a autenticidade das identificações de mais de 160 mil pescadores maranhenses.

Outra medida sustenta que só devem ser beneficiados pescadores que atuam em águas continentais, o que inclui bacias hidrográficas, igarapés, Lagos. Ou seja, em água doce. O procurador federal Ibraim Djalma Costa disse que a comprovação já era exigida.

“O INSS sempre recebeu os processos de maneira física e para receber o requerimento eles já exigiam a comprovação dessa autenticidade. Esse ano está se evoluindo para o INSS digital e no arquivo digital veio essa dúvida de como seria o procedimento de exigência”, contou o procurador.

Segundo um levantamento feito pelo Ministério da Transparência e Controladoria Geral da União (CGU) em outubro do ano passado, mais de 78% dos benefícios concedidos no Maranhão estavam irregulares. As principais irregularidades encontradas pela CGU foram pagamentos indevidos de seguro defeso; cadastros irregulares no sistema do registro geral da atividade pesqueira e ausência de fiscalização. Em alguns municípios a irregularidade chega a 100%, como por exemplo:

  • Chapadinha
  • Maranhãozinho
  • Pio XII
  • Urbano Santos

O representante da Federação do Sindicato dos Pescadores do Estado do Maranhão, Pablo Furtado, disse que há fiscalização nos municípios.

” A Federação, de dois em dois anos, juntamente com os sindicatos e associações filiadas a nós, faz um recadastramento sindical, que visa tirar de circulação as pessoas que não podem mais receber o benefício. Por exemplo, pessoas que viajam para outro estado para trabalhar, pessoas que já faleceram, pessoas que já se aposentaram”, declarou Pablo.

Fonte: G1 Maranhão

Semifinais do Campeonato Maranhense começam neste sábado

0

Imperatriz, São José, Moto e Maranhão começam a definir os dois finalistas do Campeonato Maranhense neste fim de semana. Cada equipe com seus méritos e do quarteto, o Rubro-Negro, que chega invicto à fase decisiva do Estadual, desponta como o favorito ao título de 2018.

São José: a surpresa comandada por Diego Batata
A meta do São José era escapar do rebaixamento no Campeonato Maranhense. Sob o comando de Luís Miguel o time foi além e garantiu a classificação para a semifinal, com a terceira melhor campanha na primeira fase.

No decorrer do Estadual, o Peixe Pedra também contou com a chegada do seu principal reforço, o meia Diego Batata. Aos 28 anos, o jogador é o melhor cobrador de faltas do Campeonato Maranhense e conta com dois gols e três assistências em quatro jogos na competição.

Imperatriz: poderio ofensivo e embalado com Vinícius Saldanha
Nos quatro jogos sob o comando do técnico Vinícius Saldanha foram três vitórias e apenas uma derrota, exatamente no jogo em que o ataque não funcionou. Com o segundo melhor ataque do Maranhense, o Cavalo de Aço conta com sete gols marcados nas últimas quatro partidas.

O zagueiro André Penalva é o artilheiro do time e representa perigo nos lances de bola parada. Além do apoio ofensivo, o zagueiro é um dos melhores jogadores da posição no Estadual.

Moto: melhor ataque e time dos contra-ataques
São 15 gols marcados nos sete jogos disputados e melhor ataque do Campeonato Maranhense. Sob o comando do técnico Marcinho Guerreiro, o Moto chega para a semifinal como o único time invicto e com possibilidade de repetir o feito de 1984 do Sampaio, quando conquistou o Maranhense invicto.

Sem a presença de um goleador no elenco, a velocidade dos pontas, principalmente com Shailison no segundo tempo, é a aposta para furar a defesa dos adversários. Durante o Estadual, dos 15 gols, cinco saíram após os 30 do segundo tempo.

Maranhão: aposta na defesa para ser finalista
Classificado como quarto colocado na primeira fase, o MAC tenta fazer o ataque funcionar na reta decisiva do Estadual. Com apenas sete gols marcados, o Quadricolor tem o pior setor ofensivo dentre os semifinalista, mas compensa com a melhor defesa, com apenas seis gols sofridos no Estadual.

O meio-campo é a alma da equipe atleticana, com destaque para Eloir, o jogador com mais participação ofensiva na equipe, com um gol e duas assistência na temporada.

Fonte: Blog do Bruno Alves

 

Juízes vão analisar a situação de 273 presos provisórios em Pinheiro

0

PINHEIRO – Os juízes integrantes do Grupo de Análise de Presos Provisórios do Poder Judiciário (GAPP) estarão mobilizados no período de 19 a 23 de março, na Comarca de Pinheiro, para analisar 273 processos de presos provisórios detidos no presídio regional de Pinheiro. Os juízes Tereza Cristina Nina (1ª Vara de Pinheiro), Mirella Cézar Freitas (2ª Vara de Itapecuru-Mirim), e Rodrigo Costa Nina (Santa Luzia do Paruá), foram designados pelo corregedor-geral da Justiça, desembargador Marcelo Carvalho Silva, para atuar nessa primeira edição de 2018 do Mutirão Carcerário.

O presídio regional de Pinheiro abriga, além da sede, presos oriundos de 21 comarcas da região: Alcântara, Arari, Bacuri, Bequimão, Guimarães, Santa Helena, São Bento, São João Batista, São Vicente Férrer, Carutapera, Cândido Mendes, Cedral, Turiaçu, Governador Nunes Freire, Matinha, Maracaçumé, Cururupu, Mirinzal, Pinheiro, Bacuri, Santa Luzia do Paruá e Viana.

Segundo informações da juíza Tereza Nina, atualmente estão custodiados 458 presos na penitenciária de Pinheiro, que possui capacidade para 306. “O mutirão carcerário demonstra a preocupação do Judiciário com o crescimento da população carcerária, frente à estrutura oferecida pelo Estado, visando à análise das situações processuais e execução da pena e buscando restringir ao cárcere somente os casos em que outras medidas cautelares ou ressocializantes não sejam suficientes para a proteção da sociedade”, frisou a magistrada.

Para a juíza, a inclusão dos acusados na prisão não deve se dar com a aplicação cega da lei, e deve ser proporcional à pena definida para o caso concreto, em especial, ao regime a ser imposto. “Essa ideia tem sido reforçada pela jurisprudência dos tribunais superiores, e reflete a nova visão de humanização da pena contida em diversos ordenamentos jurídicos modernos”, explicou a juíza Tereza Nina.

Execução

Na 1ª Vara de Pinheiro, que possui competência para Execução Penal, tramitam 333 processos de presos definitivos, ou seja, já julgados e que cumprem pena no presídio regional de Pinheiro. Desse total, apenas 41 estão pendentes de análise, e serão apreciados pelos juízes integrantes do GAPP.

Para atuar no mutirão, a Procuradoria Geral da Justiça (PGJ) designou os promotores de Justiça Frederico Bianchini Joviano (titular da 1ª Vara de Pinheiro), Jorge Luís Ribeiro (titular da 2ª Vara de Pinheiro), Luciano Henrique Sousa Benigno (GPI-Regional Pólo Açailândia), e Leonardo Santana Modesto (titular da Comarca de Guimarães). Já a Defensoria Pública, designou os defensores Suzanne Santana Lobo e Gil Henrique Faria, ambos do Núcleo da Defensoria Pública de Pinheiro.

Também atuarão no mutirão os servidores Gustavo Garcia Silva; Larissa Araújo Soares; Toni Frazão Ramos; e Danyelle Santos Leonardi. Ao final do mutirão, será produzido um relatório apresentando os resultados das atividades.

Mutirão

O Mutirão foi proposto pela Unidade de Monitoramento Carcerário do Tribunal de Justiça do Maranhão (UMF/TJMA). A medida atende, entre outros, meta do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que estabelece a necessidade de “maior controle” e diminuição dos índices de presos provisórios nos estados, para que não ultrapassem o patamar de 20%, objetivando a verificação da regularidade das prisões cautelares vigentes.

A ação cumpre também a Resolução Nº 89/2009 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que recomenda a implementação de mecanismos que permitam, com periodicidade mínima anual, a revisão da legalidade da manutenção das prisões provisórias e definitivas. A UMF/TJMA realiza três tipos de mutirões: o virtual, em parceria com a Secretaria de Administração Penitenciária (SEAP); o Grupo de Análise de Prisão Provisória (GAAP), criado através de portaria conjunta nº 1389/2016; e o mutirão dos 100 dias, que tem por objetivo analisar todos os processos dos presos provisórios, com excesso de prazo do Estado do Maranhão, observando as garantias do devido processo legal.

Portal Imirante

Bolsa Família pode ter reajuste superior a 5%, diz ministro

0

Aumento será dado para compensar as perdas provocadas pelo reajuste do gás de cozinha ao poder de compra dos beneficiados pelo programa

O ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, afirmou na quinta-feira, 15, que o Bolsa Família não reduziu a pobreza nem a desigualdade no país.  Terra disse que o governo está estudando um reajuste acima da inflação, que pode até ser “um pouco mais” de 5% para compensar o aumento do preço do gás de cozinha. Em 2017, a inflação oficial fechou em 2,95%. Segundo ele, o aumento deve vigorar a partir do final de abril ou em maio.

“A existência dos programas de transferência de renda não foi suficiente para reduzir a pobreza, só a pobreza extrema, mas não reduziu o número de pobres. A pobreza no Brasil continua intacta. Não reduziu a desigualdade no Brasil nesses 14 anos de Bolsa Família”, afirmou.

Fonte: Estadão