Nova Olinda do MA registra 02 casos de COVID 19 nas últimas 24 horas

0

A Secretaria Municipal de Nova Olinda do Maranhão, divulgou o Boletim Epidemiológico nesta segunda-feira (19).

Foram registrados DOIS (02) casos positivos de COVID 19 nas últimas 24 horas em Nova Olinda do Maranhão. O número de casos subiu de 538 para 540 desde o inicio da pandemia.

A maior taxa de casos de infectados são de mulheres, sendo 319 casos, que representa 59,07% do total de casos positivos.

No mês de abril, os números seguem em queda, tanto de infecção quanto de óbitos.

CPI deve apurar distribuição de cloroquina e ouvir fabricantes de vacinas

0

Indicados para compor a CPI da Pandemia discutem incluir no plano de trabalho da comissão frentes de investigação que incluem as omissões do governo federal na recomendação do distanciamento social, a produção e distribuição de hidroxicloroquina e cloroquina durante a pandemia, e a demora na compra de vacinas.

Segundo o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), que deve assumir a vice-presidência da CPI, é provável que se definam sub-relatorias diante do grande volume de trabalho.

Todos os ministros que comandaram a Saúde no governo Jair Bolsonaro e o atual chefe da pasta, Marcelo Queiroga, serão chamados a falar, segundo o senador Otto Alencar (PSD-BA). Também devem ser ouvidos os principais fabricantes de vacina, em especial a Pfizer, cuja negociação com o governo federal ficou travada por meses, diz Randolfe.

www.cnnbrasil.com.br

Policial civil é preso por participar de tentativa de homicídio contra PM em Imperatriz

0
Uma câmera de segurança flagrou o momento do disparo contra o policial militar Adriano Leite, que estava alimentando um cachorro em um posto de gasolina.

Um policial civil de 40 anos foi preso neste domingo (18) por participação em uma tentativa de homicídio contra um policial militar em Imperatriz, na região sudoeste do Maranhão. O nome do policial não foi divulgado.

O caso foi gravado pela câmera de segurança de um posto de gasolina, na madrugada deste domingo (18). As imagens mostram um veículo branco se aproximando e disparos são efetuados contra o Cabo da PM Adriano Leite, que estava de folga e alimentando cachorros de rua. O militar é atingido, mas consegue revidar.

Segundo a polícia civil, o policial militar não corre risco de vida. Já o policial civil envolvido no caso foi encontrado por volta das 13h no bairro Vila Parati e levado para a Delegacia Regional de Imperatriz para prestar depoimento.

G1 Maranhão

Nota de Falecimento: Fundador da LDN João Leite falece por complicações da COVID 19

1

O desportista e fundador da Liga Desportiva Novaolindense (LDN), João Pereira Leite “João Leite”, faleceu neste domingo (18), por complicações da COVID 19.

João Leite foi o1º presidente da LDN entre os anos de 1995 – 1997, quando o recém criado município de Nova Olinda do Maranhão participou no ano de 1995 pela primeira vez do Torneio Intermunicipal e foi até a segunda fase da competição, quando foi eliminado em jogo em campo neutro na cidade de Santa Inês.

João Leite, que era apaixonado pelo futebol, atuava com atleta  da extinta equipe de Veteranos “Sucata” e também atuava com árbitro. Nos anos 80 e 90 esteve sempre envolvido com as competições.

No inicio dos anos 2000, João Leite mudou-se para Zé Doca e trabalhou por muitos anos em Araguanã.

Seleção Novaolindense de Veteranos (1992) – Campeã Regional

NOTA DA LIGA DESPORTIVA NOVAOLINDENSE (LDN)

A Diretoria da LDN lamenta com pesar o falecimento do desportista e fundador desta entidade. João Leite, foi pioneiro em levar nossa seleção para as competições estaduais e regionais.

Pedimos a Deus que possa confortar à sua esposa, filhos e demais familiares neste momento de extrema dor e tristeza.

A Diretoria da LDN

 

Governo distribui novas doses de vacinas contra a Covid-19

0

O Governo do Estado distribui, neste domingo (18), às 8h30, novas doses de vacinas contra a Covid-19 a municípios maranhenses. A distribuição é referente à remessa que chegou na sexta-feira (16) com 154.600 doses de imunizantes, sendo 62.600 de CoronaVac e 92.000 de AstraZeneca.

Neste domingo (18), as vacinas serão enviadas para municípios das regionais de saúde de Santa Inês, Bacabal, Codó, Presidente Dutra, Barra do Corda, São João dos Patos, Pedreiras, Colinas, Carutapera e Zé Doca.

As vacinas são enviadas pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) com o apoio da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), por meio de aviões e helicópteros do Centro Tático Aéreo (CTA). Com a nova remessa, o Maranhão totaliza 1.499.190 doses recebidas, sendo 465.750 da AstraZeneca e 1.033.440 doses da CoronaVac.

Blog do Zeca Soares

Maranhão registra 41 novas mortes e mais de mil novos casos de coronavírus neste sábado

0

O Maranhão já contabiliza mais de 255,2 mil casos de infecção por coronavírus, segundo números divulgados neste sábado (17) pela Secretaria Estadual de Saúde (SES). O estado também ultrapassou uma marca superior a 6,8 mil óbitos.

De acordo com os dados da SES, somente nas últimas 24 horas foram mais de mil novas testagens positivas para a doença, assim distribuídas:

Ilha de São Luís (capital, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa) – 140

Imperatriz– 85

Demais regiões do estado – 865.

Quanto aos óbitos, foram 41 novos registros e o estado já acumula 6.824 vidas perdidas para o coronavírus. Confira os números:

Maranhão recebe novas doses de vacinas contra Covid-19

0

O Governo do Estado recebeu, nesta sexta-feira (16), nova remessa de vacinas contra a Covid-19, referentes à 13ª pauta de distribuição. Neste novo lote, o Maranhão recebeu 154.600 doses de imunizantes, sendo 62.600 de CoronaVac e 92.000 de AstraZeneca.

“O quantitativo recebido servirá para dar continuidade ao processo de imunização dos grupos preconizados pelo Ministério da Saúde. Vale destacar que todas as doses enviadas passam pelo processo de contagem, separação e depois distribuição aos 217 municípios maranhenses”, disse a chefe do Departamento de Controle e das Doenças Imunopreveníveis da SES, Halice Figueiredo.

Assim que chegou ao estado, a nova remessa de vacinas enviadas pelo Ministério da Saúde foi encaminhada para a Rede de Frio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), serviço responsável pela distribuição aos municípios maranhenses.

Na penúltima remessa recebida, foram enviadas ao estado 110.850 doses de imunizantes, sendo 50.600 de CoronaVac e 60.250 de AstraZeneca. Com a nova remessa, o Maranhão totaliza 1.499.190 doses recebidas, sendo 465.750 da AstraZeneca e 1.033.440 doses da CoronaVac. As vacinas começam a ser distribuídas ainda neste fim de semana aos municípios.

www.ma10.com.br

Moto Club supera Sampaio Corrêa e reassume liderança do Maranhense

0

No principal confronto do futebol maranhense, o Moto Club levou a melhor diante do Sampaio Corrêa. Na noite desta quarta-feira (14), o Rubro-Negro venceu o Tricolor por 2 a 1, de virada. No primeiro tempo, a Bolívia Querida abriu o placar com Jajá e o Papão do Norte empatou com Cleitinho. Já na etapa final, o time motense voltou a balançar as redes com Negueba e garantiu o resultado positivo.

Com a vitória, o Moto Club chega aos 15 pontos e reassume a liderança do Campeonato Maranhense. Na última rodada, o Rubro-Negro depende de um resultado positivo para permanecer no topo da classificação. Já o Sampaio cai para vice-liderança, mantendo 13 pontos. Na rodada final, precisará vencer o Iape e torcer por um tropeço do rival para ficar na primeira posição. Essa foi a primeira derrota do Tricolor no Estadual.

O Imparcial

Gaeco realiza operação e um dos alvos é o deputado Junior Lourenço

0
As investigações apontaram a existência de uma verdadeira organização criminosa criada com o objetivo de desviar recursos públicos.

O Grupo de Atuação Especializadas no Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), em parceria com a Polícia Civil do Maranhão realizam, na manhã desta quinta-feira (15), a Operação Laços de Família para cumprimento de mandados  de busca e apreensão em endereços localizados em São Luís, Paço do Lumiar, São José de Ribamar, Miranda do Norte e Bom Jardim.

24 equipes da Polícia Civil, compostas por delegados, investigadores e escrivães participam da operação. Além dos promotores de justiça do Gaeco.

ESQUEMA

As investigações tiveram início a partir de denúncia do Tribunal de Contas da União (TCU) a respeito de desvios de recursos realizados no período de 2017 a 2020, durante a gestão do ex-prefeito de Miranda do Norte Carlos Eduardo Fonseca Belfort, conhecido como Negão.

O ex-gestor estaria utilizando recursos públicos para quitar dívidas pessoais junto ao TCU. O mesmo artifício teria sido usado pelo também ex-prefeito e atual deputado federal, José Lourenço Bonfim Júnior, que esteve à frente da administração municipal de Miranda do Norte no período de 2009 a 2016.

As investigações apontaram a existência de uma verdadeira organização criminosa criada com o objetivo de desviar recursos públicos. O esquema era operacionalizado por meio de empresas de fachada que participavam de processos licitatórios fraudulentos. Essas empresas não tinham capacidade técnica nem lastro financeiro para cumprir os contratos firmados.

Quatro contratos firmados entre a Prefeitura de Miranda do Norte e as empresas “PM Construções e Serviços Ltda.”, “F Cipião Prazeres” e “J Rodrigues Macedo” totalizaram um dano de R$ 22.061.477,53 aos cofres municipais. Esse, inclusive, é o valor do bloqueio das contas correntes, poupanças e aplicações dos investigados, solicitado pelo Ministério Público.

As investigações também apontaram ligações entre essas empresas, os ex-prefeitos investigados, seus familiares, empregados e amigos.

Fonte: O Imparcial

Plenário do STF confirma abertura de CPI da Covid no Senado

0

O plenário do STF (Supremo Tribunal Federal), confirmou por maioria de votos a abertura no Senado de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar possível omissão do governo federal no combate à pandemia.

O julgamento, nesta 4ª feira (14.abr.2021), referendou a decisão liminar (provisória) do ministro Roberto Barroso que havia determinado a abertura do colegiado na última 5ª feira (8.abr).

O placar foi de 10 a 1. O único que não acompanhou a decisão do relator foi o ministro Marco Aurélio.